Monthly Archives:dezembro 2019

Período para contribuições para AP 18/2019 estão abertas

20 dez , 2019

A sociedade e o setor regulado já podem enviar sugestões para a Audiência Pública nº 18/2019, cujo objetivo é receber contribuições às minutas de edital e contrato, ao Programa de Exploração da Rodovia (PER) e aos Estudos de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental, para concessão do Sistema Rodoviário Rio de Janeiro – São Paulo. O período para contribuições vai até 3/2/2020.

CONCESSÃO – O novo segmento a ser concedido tem 598,5km e será composto pelas rodovias BR-116/RJ, entre o entroncamento com a BR-465, no município de Seropédica (km 214,7), e a divisa RJ/SP (km 339,6); BR-116/SP, entre a divisa RJ/SP (km 0) e o entroncamento com a BR-381/SP015, Marginal Tietê (km 230,6); BR-101/RJ, entre o entroncamento com a BR-493, no município de Itaguaí (408,1), e a divisa RJ/SP (km 599); e BR-101/SP – entre a divisa RJ/SP (km 0) e Praia Grande, Ubatuba (km 52,1).

A nova concessão consiste na exploração do sistema rodoviário, por 30 anos, da infraestrutura e da prestação do serviço público de recuperação, operação, manutenção, monitoramento, conservação, implantação de melhorias, ampliação de capacidade, manutenção do nível de serviço e segurança do usuário.

Os investimentos previstos são de 32,47 bilhões. A duplicação de 233,1 km e 337,2 km de faixas adicionais são os destaques das obras previstas.

Confira a nota técnica sobre a nova concessão no arquivo anexo abaixo.

SERVIÇO – As sessões presenciais serão realizadas nos dias, horários e locais a seguir indicados:

Data: 13 de janeiro de 2020

Horário: 14h00 às 18h00

Local: Auditório Eliseu Resende Endereço: Setor de Clubes Esportivos Sul, Lote 10, Trecho 03 – Projeto Orla 8 – Edifício Sede da ANTT – 1º subsolo Cidade: Brasília/DF

Capacidade: 300 lugares

 

Data: 15 de janeiro de 2020

Horário: 14h30 às 19h00

Local: Rio Othon Palace – Salão Copacabana B Endereço: Avenida Atlântica, 3264 – 1º andar- Copacabana Cidade: Rio de Janeiro/RJ

Capacidade: 280 lugares

 

Data: 17 de janeiro de 2020

Horário: 14h30 às 19h00

Local: Hotel Transamérica Internacional Plaza – Salas América I, II e III Endereço: Alameda Santos, 981 – 1º andar- Jd. Paulista Cidade: São Paulo/SP

Capacidade: 280 lugares

Fonte: ANTT

Voltar

Infraestrutura quer atrair R$ 101 bi em investimentos com concessões em 2020

16 dez , 2019

Infraestrutura quer atrair R$ 101 bi em investimentos com concessões em 2020

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, anunciou, nesta sexta-feira (13), uma nova rodada de concessões com 44 leilões previstos que devem atrair mais R$ 101 bilhões em investimentos a partir do próximo ano em aeroportos, rodovias, ferrovias e portos.

Caso se confirme, esse valor representará quase dez vezes mais do que foi realizado no primeiro ano do governo de Jair Bolsonaro e 43% do total da carteira (R$ 231 bilhões) prevista até 2022, quando vence o mandato presidencial.

Somente a concessão da rodovia Nova Dutra, que liga São Paulo ao Rio de Janeiro, deve exigir R$ 17 bilhões em investimentos, segundo a secretária Natália Marcassa.

“Será o grande projeto do próximo ano ao lado dos 22 aeroportos”, disse o ministro Tarcísio.

Segundo ele, sete rodovias deverão ser concedidas no final do próximo ano, atraindo R$ 42,6 bilhões em investimentos. São elas: BR-101/SC, BRs 381 e 262/ MG-ES, BRs 163 e 230/ MT-PA, BRs 153, 080 e 414/ GO-TO, BRs 116, 101, 465/ SP-RJ, Brs 116 e 493/ RJ, BRs 040 e 495/ RJ-MG.

Em dezembro de 2020, também está previsto o leilão de 22 aeroportos em três blocos, com investimentos previstos de R$ 5 bilhões.

No ano seguinte, todos os demais aeroportos hoje administrados pela estatal Infraero, serão concedidos. Segundo o ministro, a estatal continuará existindo e será reestruturada.

“Estudamos até fusão da Infraero com outras empresas”, disse.

Na área portuária, serão nove terminais no Ceará, Paraná, Maranhão, Bahia, e São Paulo com quase R$ 1 bilhão em investimentos.

O ramo ferroviário deverá gerar R$ 52,8 bilhões em investimentos com duas novas ferrovias, a FIOL (Integração Oeste-Leste) e a Ferrogrão, e quatro renovações antecipadas.

Fonte: Folha de São Paulo

Voltar

2ª Assembleia Geral de 2019

dez , 2019

Agenda:

Clique aqui

Lista de Presença:

Clique aqui

Calendário de Reuniões 2020:

Clique aqui

Apresentação Mário Povia – ANTAQ:

Clique aqui

Apresentação Paulo Resende – Fundação Dom Cabral:

Clique aqui

Apresentação Presidente Executivo Luis Baldez:

Clique aqui

Voltar

Decisão judicial mantém tarifa de pedágio da Rota do Oeste

dez , 2019

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) publicou, no Diário Oficial da União (DOU) desta sexta-feira (13/12), a 4ª Revisão Ordinária, a 7ª Revisão Extraordinária e o reajuste da tarifa de pedágio referente ao contrato de concessão do Edital nº 003/2013, referente à Concessionária Rota do Oeste S.A. – CRO (BR-165/MT), nos seguintes termos:

I – alterar a Tarifa Básica de Pedágio quilométrica de R$ 0,03754 para R$ 0,03197, a partir da vigência desta Resolução;

II – aplicar o desconto de reequilíbrio de 29,80% (vinte e nove inteiros e oitenta centésimos por cento), sobre a Tarifa Básica de Pedágio, correspondente ao Fator D;

III – aplicar o Fator Q de 0,00% (zero por cento);

IV – aplicar o Fator X de 0,00% (zero por cento);

V – aplicar o Índice de Reajustamento Tarifário – IRT de 1,51627 sobre a Tarifa Básica de Pedágio, que representa o percentual positivo de 3,22% (três inteiros e vinte e dois centésimos por cento), correspondente à variação do IPCA no período; e

VI – considerar o Fator C negativo de R$ 0,78949 na Tarifa de Pedágio reajustada.

ANTT aprovou, na forma da tabela a seguir, a tarifa de pedágio reajustada, para a categoria 1, após o arredondamento, nas praças de pedágio P1, em Itiquira/MT, P2, em Rondonópolis/MT, P3, em Campo Verde/Santo Antônio de Leverger/MT, P4, em Cuiabá/Santo Antônio de Leverger/MT, P5, em Acorizal/MT, P6, em Diamantino/MT, P7, em Nova Mutum/MT, P8, em Lucas do Rio Verde/MT, P9, em Sorriso/MT.

 

No entanto, em razão da liminar deferida no Processo Judicial nº 1019784-14.2019.4.01.0000, ficam mantidas as tarifas aprovadas por meio da Deliberação ANTT nº 828, de 10 de outubro de 2018, publicada no D.O.U. de 17 de outubro de 2018, que aprovou a 3ª Revisão Ordinária, 6ª Revisão Extraordinária e o Reajuste da Tarifa Básica de Pedágio da Concessionária, na forma da tabela do DOU, enquanto vigente a referida decisão judicial.

Fonte: ANTT

Read More…
Voltar

Frederico Bussinger: A Rumo dando rumos às ferrovias brasileiras

13 dez , 2019

Entidades e empresas iniciaram confraternizações de fim de ano. Mas calma: o ano ferroviário ainda não terminou! E parece que seguirá intenso até os 45 minutos do 2º tempo!

Read More…
Voltar

Movimentação de contêineres tem previsão de crescer 40%

dez , 2019

Operando em Jundiaí desde dezembro de 2017, a Contrail Logística, empresa responsável pelo Terminal Intermodal de Jundiaí (Tiju), passou a oferecer, em outubro, serviços agregados ao transporte de contêineres: armazenagem, desova e estufagem de cargas

Read More…
Voltar

ANUT realiza 2ª Assembleia Geral de 2019

4 dez , 2019

A ANUT realizou ontem, no Hotel Grand Mercure Ibirapuera em São Paulo, a 2ª Assembleia Geral de 2019 com presença de Associados e Convidados como Rosimeire Freitas da ANTT, Mario Rodrigues da ANTAQ, Professor Paulo Resende da Fundação Dom Cabral entre outros

Read More…
Voltar

Publicidade